quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Written in the stars (tradução) - Black more´s night

Uma vez escrito nas estrelas

Uma vez escrito nas estrelas
Uma trilha posta em pedra
Uma vela na noite

Para guiar seu caminho de volta pra casa
E então em algum lugar em sua memória...
Chamando de muito longe...

Está desafiando você a ver o que está escrito nas estrelas...
Você disse que diria
E que nunca iria embora
Eu te dei tudo que tinha...

Quando escolhi acreditar...
Amor como mágica conjura um feitiço, às vezes deixando cicatrizes
Eu acho que não é para saber o que está escrito nas estrelas

Ainda escrito nas estrelas
E escrito nas estrelas
A profecia completa
O sonho que nunca morre

Uma estrela cadente acende a noite, enquanto a terra permanece tranquila
E de algum modo nós perdemos a visão enquanto seguimos o que está escrito nas estrelas...

Eu quero saber o que está escrito nas estrelas...
Por favor diga-me o que está escrito nas estrelas...

Wish you here(tradução) - Blackmore´s night

Gostaria Que Você Estivesse Aqui

Gostaria que você estivesse aqui
eu, oh, meu camponês,
Gostaria que você estivesse aqui

Gostaria que você estivesse aqui
Você não sabe, a neve está ficando mais fria,
E eu sinto tanto a sua falta,
E eu estou me sentindo triste...

Eu tinha sentimentos por você,
Você ainda sente o mesmo?
Desde a primeira vez que eu coloquei meus olhos em você,
Eu senti a alegria de viver,
Eu vi o paraíso em seus olhos...
Em seus olhos...

Gostaria que você estivesse aqui
eu, oh, meu camponês,
Gostaria que você estivesse aqui

Gostaria que você estivesse aqui
Você não sabe, a neve está ficando mais fria,
E eu sinto tanto a sua falta,
E eu estou me sentindo triste...

Eu sinto falta do seu riso, eu sinto falta do seu sorriso,
Eu sinto falta de tudo em você...
Cada segundo é como um minuto,
Cada minuto é como um dia
Quando você está bem distante

A neve está ficando mais fria, querido,
Gostaria que você estivesse aqui
Um campo de batalha do amor e do medo,
Gostaria que você estivesse aqui

Eu tinha sentimentos por você,
Desde a primeira vez que eu coloquei meus olhos em você...
sua companhia...

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Só por hoje - Renato Russo

Só por hoje eu não quero mais chorar
Só por hoje eu espero conseguir
Aceitar o que passou e o que virá
Só por hoje vou me lembrar que sou feliz.

Hoje eu já sei que sou tudo que preciso ser
Não preciso me desculpar e nem te convencer
O mundo é radical
Não sei onde estou indo
Só sei que não estou perdido
Aprendi a viver um dia de cada vez.

Só por hoje eu não vou me machucar
Só por hoje eu não quero me esquecer
Que há algumas pouco vinte e quatro horas
Quase joguei minha vida inteira fora.

Não não não não
Viver é uma dádiva fatal,
No fim das contas ninguém sai vivo daqui mas -
Vamos com calma!

Só por hoje eu não quero mais chorar
Só por hoje eu não vou me destruir
Posso até ficar triste se eu quiser
É só por hoje; ao menos isso eu aprendi.

Yeah

Meme Caricatura




Este recebi do blog "A Madrasta Má"
É uma corrente muito bem planejada, que se não for feita prejudica quem passou o selinho, porque este não terá a Caricatura!Enfim...
Regras:

1 - Exibir o selinho do Blog Olha que maneiro!
2 -
Postar o link do blog pelo qual foi indicado.
3 -
Indicar e comunicar 10 blogs da sua preferência.
4 -
Publique as regras.
5-
Confira se os blogs indicados cumpriram as regras.
6 - Envie sua foto ou de um(a) amigo(a) para olhaquemaneiro@gmail.com juntamente com os 10 links dos blogs indicados para verificação. Caso os blogs tenham repassado o selo e as regras corretamente, dentro de alguns dias você receberá uma caricatura em P&B.
7 - Só está valendo se todas as regras acima forem seguidas!


Os blogs que indico são:


Caderninho da fada
{E[x].pondoIdéias}
Jé Pléffken
Perfetti
PorEntreLetras
Querendo saber
O diário de Tammy
Save me for myself
Um mundo de Link´s

Prêmio Dardos


Recebi esse prêmio do blog PorEntreLetras

o Prémio Dardos onde se reconhece o valor que cada blogueiro emprega ao transmitir valores culturais, éticos, literários, pessoais, etc. que em suma demonstram a sua criatividade através do pensamento vivo que está e permanece intacto entre as suas letras, entre as suas palavras. Esses selos foram criados com a intenção de promover a confraternização entre os blogueiros, uma forma de demonstrar carinho e reconhecimento por um trabalho que agregue valor à web.

Quem recebe o Prémio Dardos e o aceita deve:

- Escolher outros blogs a quem entregar o Prémio Dardos;
- Linkar o blog pelo qual recebeu;
- Exibir a distinta imagem.

Os blogs que eu presenteio são:

A madrasta má
Be yourself
Elos no Horizonte
{E[x].pondoIdéias}
Encontro da saudade
Jornal da Lua
Pátria amada Brasil
Perfetti
Save me from myself
Um mundo feito de links


And here we go again!!
bjus da Samu

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

1 ano de blog! lol



Yeeeeeeeeeah.. isso ae!!
Hoje meu blog está completando 1 aninho! lol
Este post vai em especial á todos aqueles que veem em acompanhando desde o início, e também á aqueles que passaram a acompanhar já no meio desta jornada. Aos que partilharam todos os momentos comigo, os que me deram a honra de fazer parte de suas vidas que, por muitas vezes descrevi aqui.
Obrigada Alê, por tão dignos versos em seus comentário
Obrigada Bárbara, por me mostrar que de todos os momentos ruins, a escrita sempre tem um valor muito mais alto.
Obrigada Brito, pelas correções de português e birras quanto aos parágrafos.
Obrigada Isis, por me acompanhar sempre e ter me dado a oportunidade de te conhecer melhor.
Obrigada Lu, por sempre me presentiar com sua presença e seus "selinhos".
Obrigada Nosaki, pela companhia diária e atenção que você me dá.
Obrigada Perfetti, pelas maluquices e zuações entre os blogs.
Obrigada Rafa, por sempre insistir na nossa amizade e por ter lutado por isso, mostrando até mesmo aqui, na blogosfera.
Obrigada Tammy, por todas as palavras e respostas.

Obrigada á todos por estarem sempre comigo.
Cada vez que entro e vejo um novo comentário, ou que o número de visitantes aumentou, sinto uma ambição ainda mais de escrever. Se ainda tem quem leia, de certa forma, agrada alguém.. ou querem entrar pra rir ou debochar depois, mas não importa..kkkk.. não ligo para o que os outros pensam ^^


And here we go again!!
Bjus da Samu

Pitty - Memórias

video

Essa música já diz tudo por mim.. sem mais!

And here we go again!!!
Bjus da Samurai

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Crônicas de um conhecimento – Parte II

Ouço o sino da capela á soar. Hora de descer.
Ao chegar lá embaixo, um dos cavaleiros me avisa que a tal moça do povoado vizinho já chegou, e está á minha espera na ponte do lago norte. Fui até lá, e lá estava ela, sentada na ponte com o olhar fixo no horizonte. Me aproximo aos poucos e sento ao seu lado. Ela olha para mim com uma expressão indecifrável, não sabia ao certo entender como ela estava. Sorri para ela e ela, me retribuiu. Começamos a conversar. Vi que ela sentia-se um pouco insegura para falar de si, mas sabia que havia algo que ela precisava dizer e iria dizer uma coisa ou outra, que pra mim, já bastaria, já seria o suficiente. Não se precisa dizer como o sol nasce para que se entenda o pôr-do-sol.
Ela estava ali, presa em seu interior. Talvez isso tenha lhe feito mal por todo esse tempo, talvez, esse tenha sido o segredo para seu amadurecimento tão premeditado. Ou talvez não tivesse se libertado por não ter entendido um sentido para isto. Ou quem sabe, não o fez por ainda estar se sentindo machucada. Coisas que apenas ela poderia sentir, apenas ela poderia ser e apenas ela poderia decidir o rumo.
A cada frase por ela formada me sentia emocionada. Somos de povoados diferentes, criações diferentes, somos moças diferentes, porém, somos iguais. Sentimos o coração ressoar muitas vezes ao longo de nossas histórias, sentimos seu pulsar mais forte ao pensarmos em nosso passado. Por muitos anos nos deixamos sofrer e choramos com lágrimas de sangue. Por muitos anos... anos que nos dói lembrar, mas é preciso. Curar dores do coração é um gesto de valentia e somente aqueles que possuem a luz guardadas em si, são capazes de realizar. Sentia essa luz dentro dela.
Palavras de emoção, palavras de sabedoria, palavras jamais exposta daquela forma foram transmitidas de seus lábios para mim. Uma sintaxe de amadurecimento e responsabilidade, uma espera, um ideal. Palavras que buscavam alguma outra que se perdia ao longo do caminho. Uma palavra que era essencial. Palavra que constantemente insistia em lhe abandonar.
Ouvia atentamente e logo me pronunciei:


“Não, não deixe que te tenham como um espelho! Olhe para o céu. Está vendo aquele ponto brilhante? É um ponto único. A qualquer hora, esteja o sol tomando o céu ou a lua, ele estará sempre lá, ao contrário dos outros que só aparecem junto com a lua, e se escondem quando o sol aparece. Acredite que aquele ponto vive em você. Ele é essa luz que há em seu coração, simbolizado lá no céu, para que você nunca esqueça o poder que ele traz. Ele é único e eterno. É o Pai de todos os outros e de tudo o que por aqui. Quando se sentir mal, olhe aquele ponto e peça forças á Ele. Peça para que te guie e vá habitar o coração dessas pessoas que te fazem mal, compartilhe sua “luz” com eles.
Você é boa em muitas coisas, não deixe que pensamentos te façam corroer e nem os abandone por ter aderido seus mals momentos á ele, ao contrário! Tudo que você acreditar ter um real talento, prossiga! Se te serviu quando houve a queda, te servirá na sua caminhada. Transforme momentos não tão agradáveis nos mais maravilhosos de sua vida. Aproveite cada detalhe, cada coisa que você desenvolveu ao longo de sua vida independente do passado.”

Nesse instante, a moça me agradece e me direciona uma frase de grande valia:

“..vc veio pra ajudar a descobrir a chave.”

Chave. Isso, a chave!
Há mais mistérios dentro de si do que parece. Portando a chave, caminhe-a para dentro de si, abra seu coração e veja a luz. Deixe-a te guiar, siga-a.
Eu posso ter ajudado, mas só foi possível por ela ter se mostrado, quer mostrar quem se é, e pra isso, só basta alguém disposto a ouvir e compartilhar o que se sente. E essa conversa, já é a maior prova do quanto essa moça cresceu, se conheceu ainda mais podendo expor isso pra alguém que quase não teve contato, porém, foi apta á se confiar, pelo menos em seu conceito. Ela se deu essa chance.

“Cada pensamento que você guarda age de um jeito, como há dois lados, as conseqüências podem ser maravilhosas, como também podem causar um reboliço e tanto em você. Saiba que és única! Lembre-se sempre disso.
Selecionamos quem pode entrar em nossas vidas e quem gostaríamos de compartilhar histórias, quem gostaríamos que realmente nos conhecessem. Esses sim são dignos de se ouvir o que pensam de nós e de todo o resto que nos cerca, porque eles te conhecem, sabem quem você realmente é, conhecessem seu interior, sua essência. No momento em que estiveres confusa, perdida.. eles te ajudarão a achar uma saída, te ajudaram a retomar a consciência, e a luz que tú guardas em seu coração, resplandecerá ainda mais reluzente, capaz de fazer-te sentir novamente como sempre fores.”


Continua...

domingo, 25 de janeiro de 2009

Crônicas de um conhecimento

Em uma cidade pouco povoada, há alguns séculos atrás, estava acontecendo uma grande festa, na qual a maioria da cidade estava presente. Aconteceu em um salão, havia música, as pessoas sorriam felizes. De longe, eu apenas observava.
Pessoas de cidades vizinhas compareceram. Era a primeira vez que eu estava em uma festa como aquela e por isso, estava mais quieta, não conhecia quase ninguém e não sei, não sabia ao certo para onde olhar, com quem falar...
Neste local, conheci uma jovem muito agradável que me fazia lembrar uma conhecida de infância. Não conversamos muito naquele dia, não dava, era uma festa, todos dançavam alegremente... as circunstâncias não colaboraram.
Fatos e fatores fizeram com que mantivéssemos contato apenas por cartas. Escrevíamos, entregávamos aos cavaleiros e os mesmos, faziam este favor á nós. Moramos na mesma cidade, porém, em povoados diferentes, não fica tão distante, mas temos nossas obrigações para com nosso lar e família, não podemos largar tudo e caminhar durante algumas horas. Como erámos responsáveis por publicar anúncios em nossos povoados, pro ordem do rei, tínhamos acesso direto aos cavaleiros e por isso, nos ajudavam.
Os cavaleiros estavam se preparando para uma grande competição anual contra um povoado um pouco mais distante. Essa competição daria o direito do vencedor á escolher uma dama do povoado que perdeu, para que se casassem. Era algo secular e hereditário. Os cavaleiros eram treinados desde garotinhos para este grande dia, suas famílias sentiam-se honrados de poder ter um de seus membros participando dessa ala e poder assim, terem suas moradia renovadas.
A classe dos cavaleiros era muito respeitada e, caso sua familia não pertencesse á essa classe mas um de seus filhos demonstrasse habilidade com cavalos e espadas, poderia vir a ser chamado á um treinamento especial.
Quando ouvi o anúncio desse campeonato vindo até meus ouvidos, me emocionei.
Sempre achei que neste período, tudo fica mais adorável. A cidade era inteira enfeitada, todos estavam sorrindo aguardando anciosamente por este dia.
Os cavaleiros se dedicavam mais ainda aos seus treinos e estudos, fato que fez com que eu e a moça do povoado vizinho não trocássemos mais correspondência, mas eu sabia ela viria ao povoado assistir ao campeonato e então, poderíamos conversar tranquilamente.
No sexto amanhecer após á seca, dava-se início ao campeonato. O sol mal havia surgido e já estavam chegando as carroças, muitos cavalos! Desde pequena, me sento aqui em cima deste monte para observar suas chegadas. Tudo muito organizado, em filas. Perfeito!


Continua..

Selinho "Sobrevivente ao romantismo"



Recebi esse selo da amiga Lú.
“Com este pequeno prêmio pretendemos honrar as pessoas que ainda se regem pelo coração,que percebem o que é o verdadeiro amor,que lutam por ele e o conseguem transmitir na sua escrita.”

Este prêmio obedece às seguintes regras:

1) exibir a imagem do selo,

2) linkar o blog pelo qual se recebeu a indicação,

3) escolher outros blogs a quem entregar este Prêmio.



Entrego agora esse prêmio para todos os meus amigos do blog, pois acredito que todos agem e escrevem fazendo valer o que se sente

And here we go again!!!
Bjus da Samu

Escrevendo emails compulsivamente

Hoje, eu entrei no meu myspace pra dar uma fuçada e vi o profile de uma menina que conheci pelo youtube. Bom, deixa eu começar do começo.
Sempre gostei de assistir covers de pessoas amadoras, dessas que pegam a própria webcam, pegam o instrumental de alguma música e cantam. Ano passado, comecei a procurar alguns e achei o profile de uma menina que me impressionou com sua voz. O profile dela ficará aqui
Por ter gostado de suas performances, comecei a deixar comentários, ela respondia, me add lá e começamos a trocar emails, visto que lá não é hábito usar o orkut e ela quase não entra no MSN, por estar interna na faculdade(psicologia também, uhuuuul!)

[agora sim usaremos o primeiro parágrafo xD]

Hoje, eu entrei no meu myspace pra dar uma fuçada e vi o profile dessa menina que conheci pelo youtube. Ai pensei: "caaara, já tem cerca de 6 meses que não nos falamos... vou mandar um email!"
E foi o que eu acabei de fazer.
Logo que enviei, comecei a lembrar de muitos outros amigos que não falo há muito tempo, grande parte deles que só conheço aqui, no mundinho virtual.
Me pego pensando como que pessoas de diferentes lugares(no caso da Jenny por exemplo, de outro país) podem ter algum tipo de afetividade, mas isso, sei que por mais que eu pense, não vou encontrar uma resposta.. logo, desligo minha mente.
Rascunhei também vários emails para mandar(desembestei a escrever compulsivamente, acordei inspirada... na verdade, acordei ontem inspirada e tenho escrito desde cheguei em casa) para várias pessoas que conheço pessoalmente, algumas que não falo há certo tempo e, algumas que eu tenho contato, mas estou um tanto afastada por fatores que não convém escrever aqui, mas sei que essas pessoas estão lendo este post e sabem que me refiro á elas.
Mas como eu disse, apenas rascunhei. Escrevi uma média de cinquenta linhas por email, filosofei, escrevi verdades, escrevi o que estava pensando e precisava dizer, mas minha mente se reconectou sozinha e me disse pra não enviar, que não vale a pena mexer no passado e cutucar, ainda que seja com boa intenção, e dessa vez, eu obedeci. Não sei por quanto tempo levarei esse quase mandato da minha mente á sério, por isso, tirei da minha caixa de rascunhos do email tudo o que já havia salvado. Melhor previnir do que remediar!

And here we go again!!
Bjus da Sam!

sábado, 24 de janeiro de 2009

Mídia e o ser humano


Acabo de chegar do J.A (jovens adventistas). Apesar de não ter sido aceita (ainda não me conformo com tanta hipocrisia), fui lá hoje com a Tammy assistir uma palestra sobre a influência da mídia na vida de todos, dando um maior foco, na vida infantil.
O palestrante deu início falando sobre psicologia, a atuação de psicólogos, como Jung, em descobertas e desenvolvimento do estudo das mensagens subliminares. Interessante, mas a gente estudou isso o ano inteiro!!! O que dizer?
Que há publicitários geniais que apostam em mensagens que passam em caso que poucos milésimos de segundo em algum filme, propaganda, desenho ou qualquer raio desses com o intuito de fazer com que a pessoa não perceba que o conteúdo(seja propaganda ou estímulos á coisas inescrupulosas) mas que o seu cérebro, sua mente as notem e as façam delas "idéias". Um exemplo disso é aquela confusão que deu pela Coca-Cola colocar em filmes, diversas cenas intercalam as do filme que continham escritas como "beba coca-cola". Quem assistia o filme, saia do cinema com uma vontade absurda de tomar coca-cola sem saber nem ao menos o porque!
Em seguida, começou a falar dos jogos. Ai ai ai, coitadas das crianças que estavam lá, os pais já nem vão deixá-los mais jogar CS!hauahuah
Pode parecer um tanto clichê chegar aqui e dizer que jogos como o G.T.A, CS e Diablo são jogos de muita violência e que isso influência a pobre cabecinha ainda em formação desses pequenos anjinhos ingênuos e prejudica as idéias das mentes vazias de certos adolescentes sem rumo e blábláblá... mas é isso! Por não terem muito o que fazer, falta de opção pra algo produtivo e que realmente ocupe o tempo dessas criaturas, tendem a passar algumas muitas horas se alimentando com sangue, violência, mortes, explosões e tudo que é coisa ruim que só gera disturbios. Não os proibo, afinal, se vocês não surtarem, quem serão meus pacientes no futuro? Continuem jogam, fiquem bem viciados!hahauha [uma pitada de humor negro só pra descontrair]
Sabemos que proibir os filhos de jogar não adianta, porque se não jogarem em casa, jogaram na casa dos amigos e pior, farão escondido nas lans! Não pode jogar em casa? Aaaaah, não tem problema, tem tanta lan house quanto buteco hoje em dia!
O terceito tópico frizado diz respeito aos desenhos.
Desenho é um símbolo de inoscência, coisa de criança. Que criança nunca assistiu um desenho?
Mas aí entra a questão: "que tipo de desenho seus filhos andam assistindo? Vocês sabem do que se trata? Vocês já viram ao menos um capítulo de seus desenhos favoritos?"
Lá foi citado alguns exemplos de desenhos que pensamentos ruins nas crianças sobre o cristianismo e favorecem o inimigo, como por exemplo o "YU GI OH". Se trata de um desenho, que pouco tempo depois virou jogo, na qual cada personagem possui um conjunto de cartas de baralho, cada um contendo um personagem diferente.. essas cartas são lançadas, os "monstros" das cartas saem dela e lutam. Esses mostros são sempre dragões e demônios.
Um dos personagens mais adorado e venerado é um ser que recebe o demonio no próprio corpo e, por isso, consegue ser "imbatível", se torna mais forte e ninguém consegue derrotá-lo, por isso, é tão invejado e todos querem sê-lo. AB-SUR-DO!
Onde já se viu ensinar isso? E onde já se viu, um canal como a rede globo(manipuladora!!! Por isso estamos como estamos!) deixar passar um desenho portando tantas maldade e coisas ruins de forma tão explicita assim em plenas 9hs30 da manhã? Ainda mais em um programa voltado especialmente para o público infantil!
Chega de falar dos desenhos, isso machuca demais, já se foram meus sonhos de criança!hahauhaua
O próximo foi sobre os filmes!
O que mais chamou atenção dos membros foi quando o palestrante comentou sobre o filme "A paixão de Cristo" de Mel Gibson. O cara tem o título de "O cara", o fanático por sangue, por apresentar sempre muitas gostas e jorradas incrívelmente bem infeitadas em seus filmes. Muita ficção e muita violência!
Eu não sou muito boa com a história de Jesus, aliás, mal sei abrir a biblia, mas o palestrante comentou que em um dos trechos, Jesus conversa frente a frente com Satanás. Não há passagem na biblia que diga que isso aconteceu!
Outra parte que me irritou ouvir foi que Mel Gibson usou 25 minutos do filme para mostrar o quanto Jesus apanhou( e aliás, no filme mostra que ele morreu de tanto apanhar) e apenas 3 minutos mostrando a ressurreição, que seria uma das partes que deveria mais ser valorizada.
Mas em fim, foram abordados diversos meios de contaminação mental por meio da mídia, porém, não ficou apenas no lado ruim. Assim como tudo na vida, há partes ruins e partes boas também, contanto que se saiba usá-las

Fica a dica!!


And here we go again!!
Bjus sa Samu!

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

Não vou mais batizar!

Pois é gente, não vou mais batizar! Esse sábado seria um sábado diferente, de suma importância para mim.. mas como eu disse, SERIA!
Ontem o pastor veio aqui em casa para preencher as fichas bastimais e eu, questionei quanto ao uso de calça(não adianta, não uso saia e nem vestido!). Ficamos horas debatendo quanto á essa questão, em muitas vezes, não soube nem ao menos me dar uma resposta, fugia da questão, tentava contornar, mas eu estava mesmo interessada em batizar e bati na mesma tecla.

Por que eu seguiria um dogma criado por um mero mortal como eu?

E por que eu não posso usar calça sendo que Deus diz em seu livro sagrado que vê filho algum por sua aparência e sim pelo que ele é, além dos seus olhos, transpassando ao seu ser?
Eu não me conformo com isso, não consigo aceitar! Ok, quanto á parte do uso de jóias e maquiagem, eu entendo perfeitamente e estava disposta a seguir, mas a calça não dá! Primeiro por ser algo terreno e depois por eles não terem conseguido me demonstrar uma boa resposta, algo que me convencesse que seria o melhor para mim. Alegaram que surgiriam problemas futuros para mim, que minha fé poderia ser abalada pelo fato de os membros chegarem me fazendo cobranças... mas péra lá! Quem não é cobrado das coisas diariamente? Quem nunca passou por uma situação dessas que atire a primeira pedra!
E imagina se eu aparecer de vestido ou saia, caso eu venha a aceitar...eu vou do meu jeito de rocker girl, e o que acontece? Serei novamente cobrada pelo meu preto e meu estilo "maloqueira".. de qualquer jeito serei julgada, e quem são eles pra me julgar? Novamente contradiz a palavra! Não se deve julgar o próximo!! Rááááá, peguei eles de novo!
Eu sou cobrada a minha vida toda por tudo. Sou cobrada na faculdade por só usar preto e maquiagem carregada, e ainda assim continuo firme e forte. Sou cobrada dos meus pais pelo mesmo motivo, e nem por isso me amam mais ou menos. Por quê então eu me importaria que estranhos viessem me cobrar o uso de saia? Nunca me importei com o que falassem da minha aparência!!
E não! Não acho que minha fé diminuiria com isso, ao contrário! Isso me faria recorrer ainda mais á Deus, a buscar mais forças com Ele... estaria me aproximando cada vez mais.. logo, minha fé aumentaria.
Por mais que argumentassem que eu estaria "errada", mais coisas me vinham a cabeça.
É, como sempre, eu falei tudo o que me veio á mente.
Não acredito que eu esteja errada quanto á isso, afinal, há mais membros batizados que usam calça(e olham que nasceram em berço adventista) então porque eu, sendo nova na fé, não poderia?
Por quê eu não posso batizar e esperar que Deus toque meu coração e eu mude(apesar de não ser Sua "lei" essa coisas de saia na igreja)?
Coisas como essa que me fazem pensar no quão hipócrita o mundo têm sido há tanto tempo. Pregam a igualdade e a não-discriminação, e o que fazem?


And here we go again!!
Beijos da rebelde anti-saia!

O Ódio - Luxúria

video

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Quem disse que os opostos se atraem??


Hoje eu não vou contar crônicas e nem escrever poemas, só vim conversar com vocês, amigos da blogosfera xD
Eu estava meio xululu logo cedo, falei com a Tammy no telefone(novidade), ri um pouco em plenas nove horas da manhã(á tempo que não ria tão cedo). Entrei um pouco na net(ou deveria ser pouco), li uns blogs, respondi ás pessoas que comentaram para mim, baixei umas músicas(não façam isso!) e vi que a Isis havia respodido meu scrap no orkut...hahaha.. muito bom, passei horas conversando com ela.
Nessas horas, paro pra pensar: como pode ter pessoas tão parecidas conosco?
hauhaua
É engraçado isso. Em menos de um ano, só para ter noção, esse ano encontrei 3 pessoas desse mesmo jeito.. jeito que era pra ser único e não é.. aliás, até é único, mas parecido.. tipo, são iguais com algo diferente acrescentado que nos tornam únicos.. aaaaaaaah, não entendeu? Lê de novo poxa!!hahauau (esse é meu diferencial, sou muito "doce", um amor de menina!)
Sabe, dizem que os opostos se atraem e os iguais se repelem. Que teoria mais furada hein!!
Somos "iguais" e não nos repelimos, ao contrário, nos unimos cada vez mais. São histórias, vivências, problemas e alegrias.. tudo, de certa forma, parecidas!
Repelimos sim as pessoas que são diferente de nós(provo se precisar!!)
Por isso não acredito em física e nem química(hahaua.. a rebelde contra-ataca)
Senhores teóricos, peço desculpas por ir contra suas ideologias, mas fazer o que, sempre tem alguém pra pensar diferente.. é a vida, vocês superam! (Y)

Queria agradecer á todos vocês por sempre estarem comigo!

And here we go again!!
bjus da Samu

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Fragmentada

... de pensamentos
de idéias
de "por quês"
seguimentos...

... de carícias
de abraços
de olhares
sem malícia...

... de saudade
de ser
de receber
de amizade...

... de vida
do amanhã
do estar presente
minha angústia querida...

... do gostar
do amar
do tentar
do realizar...

... da felicidade
da inocência
da infância
sem maldade...

... de sorrir
de brincar
de guardar no coração
e seguir...

... de adormecer
e acordar
amar a vida
de sentir prazer...

... de não pensar
e só sofrer
de querer ser quem sou
e sempre odiar...

... de dar um passo
e cair
me perder por entre o ritmo
fora do compasso...

... de tentar não desistir
de seguir na fé
aceitar como tudo é
... insistir...

And here we go again!!
Bjus da Sam

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Suicidio


Eu já presenciei algumas tentativas(tá, foram as mais estúpidas e sem chances de ser concretizadas, custa pensar numa forma eficaz de se matar?) e já conversei(ou gritei neste caso) algumas muitas vezes com alguém que já tentou tal ato. Por quê tentar tirar a própria vida? Por quê jogar tudo pro alto quando se tem tudo? Por quê querer jogar a toalha quando se ainda está no início de uma vida?

Pensando como uma futura psicóloga, entendo que há mais coisas a serem analisadas, há diversos fatores envolventes, na maioria dos casos há quadros de depressão e blábláblá...
maaaaaaaaaaaaaaaaaaas... antes de ser uma futura psicóloga, sou ser humano!
Nessas horas me dá vontade de resolver tudo dando uma surra!!(crianças, não façam isso!!! Sei que violência só gera violências, mas já extrapolou!). Gostaria que pelo menos no pós-tentativa-frustada-de-suicidio, a pessoa fosse corajosa o suficiente para falar nem que fosse uma única palavra ao invés de se calar e esperar que eu leia sua mente! ¬¬'

Quer se matar?

Hoje em dia tem até livro que ensina a fazer direitinho!!

Leeeeeeeiam!! Também é cultura tá!!!
"O que diz a Bíblia a respeito de um cristão que comete suicídio? Não creio que um cristão que cometa suicídio perderá a salvação e terminará no inferno. A Bíblia ensina que a partir do momento no qual a pessoa verdadeiramente crê em Cristo, ela está eternamente salva (João 3:16). De acordo com a Bíblia, os cristãos podem ter certeza, sem sombras de dúvida, que têm a vida eterna, não importa o que aconteça.

De acordo com a Bíblia, cometer ou não suicídio não é o que determina se alguém terá acesso ao céu. Se alguém que não foi salvo cometer suicídio, essa pessoa não fez nada mais do que “acelerar” sua jornada para o lago de fogo. Entretanto, a pessoa que cometeu suicídio estará no inferno por ter rejeitado a salvação através de Cristo, não por ter cometido suicídio. A Bíblia menciona quatro pessoas específicas que cometeram suicídio: Saul (I Samuel 31:4), Aitofel (II Samuel 17:23), Zinri (I Reis 16:18) e Judas (Mateus 27:5). Cada um deles foi homem vil, mau e pecador. A Bíblia vê o suicídio do mesmo modo que o assassinato – e assim o é – um auto-assassinato. Cabe a Deus decidir quando e como a pessoa morrerá. Tomar de assalto este poder em suas próprias mãos, de acordo com a Bíblia, é blasfêmia contra Deus."
And here we go again!!
Bjus da Samu

domingo, 18 de janeiro de 2009

Selinho Selinho Selinho!!!


Recebi o selo blog de ouro da do Blog "Quer saber..." da Luciana Costa




As regras, para quem o receber, são:

1)exibir imagem do selo
2)linkar o blogue pelo qual você recebeu a nomeação
3)Escolher 6 mulheres a quem entregar o BLOG DE OURO
4)Deixar um comentário nesses blogues para que saibam que ganharam o prêmio

As 6 Meninas que gostaría de entregar esse selo são:

- Meus momentos
- O diário de Tammy
- {E[x].pondoIdéias}
-
ઇ‍ઉ Perfetti
- Caderno da Vida
- Encontro da saudade

And here we go again!!
Bjus da Samu

Going under(tradução) - Evanescence

video

Agora vou lhe dizer o que eu fiz por você
Eu chorei 50 mil lágrimas
Gritando, enganando e sangrando por você
E você continua não querendo me ouvir (Estou Afundando)
Não quero sua mão, desta vez eu me salvo sozinha
Talvez eu desperto de uma só vez
Não atormentada diariamente derrotada por você
Apenas quando eu pensei que tinha chegado ao fundo
Eu estou morrendo de novo

Eu estou afundando
Me afogando em você
Eu estou caindo pra sempre
Eu tenho de quebrar
Eu estou afundando

Obscurecendo e confundindo a verdade e as mentiras
Portanto, eu não sei o que é real e o que não é
Sempre confundindo os pensamentos na minha cabeça
Portanto, não posso confiar em mim mesma
Eu estou morrendo novamente

Estou afundando
Me afogando em você
Eu estou caindo para sempre
Eu tenho de quebrar

Então, vá em frente e grite
Grite comigo estou tão longe
Eu não serei quebrada novamente
Eu tenho de respirar, não posso manter-me afundada

Eu estou morrendo novamente

Eu estou afundando
Me afogando em você
Eu estou caindo pra sempre
Eu comecei quebrar completamente
Estou afundando

Estou afundando
Estou afundando

sábado, 17 de janeiro de 2009

Dois cavalos

Hoje meu irmão precisou fazer um serviço em pc, formatação para ser mais especifico, e o mesmo, não havia gravador de CD. Para formatar, precisou passar todos os arquivos para um pen driver e, aos poucos, ir descarregando no meu pc.
Fui fuçar nos arquivos(aaaah gente, o que tem? É meu pc e os arquivos são da minha vizinha!!)
Encontrei esse texto muito lindo, sem autor(mas sei que não foi ela quem escreveu, já li em outro blog também)


Dois cavalos

Na estrada de minha casa há um pasto. Dois cavalos vivem lá.
De longe, parecem cavalos como os outros cavalos, mas, quando se olha bem, percebe-se que um deles é cego. Contudo, o dono não se desfez dele e arrumou-lhe um amigo - um cavalo mais jovem. Isso já é de se admirar.
Se você ficar observando, ouvirá um sino. Procurando de onde vem o som, você verá que há um pequeno sino no pescoço do cavalo menor.
Assim, o cavalo cego sabe onde está seu companheiro e vai até ele.
Ambos passam os dias comendo e no final do dia o cavalo cego segue o companheiro até o estábulo. E você percebe que o cavalo com o sino está sempre olhando se o outro o acompanha e, às vezes, pára para que o outro possa alcançá-lo.
E o cavalo cego guia-se pelo som do sino, confiante que o outro o está levando para o caminho certo.
Como o dono desses dois cavalos, Deus não se desfaz de nós só porque não somos perfeitos, ou porque temos problemas ou desafios. Ele cuida de nós e faz com que outras pessoas venham em nosso auxílio quando precisamos.
Algumas vezes somos o cavalo cego guiado pelo som do sino daqueles que Deus coloca em nossas vidas.
Outras vezes, somos o cavalo que guia, ajudando outros a encontrar seu caminho. E assim são os bons amigos. Você não precisa vê-los, mas eles estão lá.
Por favor, ouça o meu sino. Eu também ouvirei o seu.
Viva de maneira simples,
Ame generosamente,
Cuide com devoção,
Fale com bondade....
E confie, deixando o resto para Deus...

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Frejat - Segredos

video

Para se roubar um coração - Luís Fernando Veríssimo

Para se roubar um coração, é preciso que seja com muita habilidade, tem que ser vagarosamente, disfarçadamente, não se chega com ímpeto, não se alcança o coração de alguém com pressa.
Tem que se aproximar com meias palavras, suavemente, apoderar-se dele aos poucos, com cuidado.
Não se pode deixar que percebam que ele será roubado, na verdade, teremos que furtá-lo, docemente.
Conquistar um coração de verdade dá trabalho, requer paciência, é como se fosse tecer uma colcha de retalhos, aplicar uma renda em um vestido, tratar de um jardim, cuidar de uma criança.
É necessário que seja com destreza, com vontade, com encanto, carinho e sinceridade.
Para se conquistar um coração definitivamente tem que ter garra e esperteza, mas não falo dessa esperteza que todos conhecem, falo da esperteza de sentimentos, daquela que existe guardada na alma em todos os momentos.
Quando se deseja realmente conquistar um coração, é preciso que antes já tenhamos conseguido conquistar o nosso, é preciso que ele já tenha sido explorado nos mínimos detalhes, que já se tenha conseguido conhecer cada cantinho, entender cada espaço preenchido e aceitar cada espaço vago.
...e então, quando finalmente esse coração for conquistado, quando tivermos nos apoderado dele, vai existir uma parte de alguém que seguirá conosco.
Uma metade de alguém que será guiada por nós e o nosso coração passará a bater por conta desse outro coração.
Eles sofrerão altos e baixos sim, mas com certeza haverá instantes, milhares de instantes de alegria.
Baterá descompassado muitas vezes e sabe por que?
Faltará a metade dele que ainda não está junto de nós.
Até que um dia, cansado de estar dividido ao meio, esse coração chamará a sua outra parte e alguém por vontade própria, sem que precisemos roubá-la ou furtá-la nos entregará a metade que faltava.
... e é assim que se rouba um coração, fácil não?
Pois é, nós só precisaremos roubar uma metade, a outra virá na nossa mão e ficará detectado um roubo então!
E é só por isso que encontramos tantas pessoas pela vida a fora que dizem que nunca mais conseguiram amar alguém... é simples...
é porque elas não possuem mais coração, eles foram roubados, arrancados do seu peito, e somente com um grande amor ela terá um novo coração, afinal de contas, corações são para serem divididos, e com certeza esse grande amor repartirá o dele com você.

Luís Fernando Veríssimo

A pessoa errada - Luís Fernando Veríssimo

"Pensando bem em tudo o que a gente vê e vivencia e ouve e pensa, não existe uma pessoa certa pra gente.
Existe uma pessoa que se você for parar pra pensar é, na verdade, a pessoa errada.
Porque a pessoa certa faz tudo certinho!
Chega na hora certa, fala as coisas certas, faz as coisas certas, mas nem sempre a gente tá precisando das coisas certas. Aí é a hora de procurar a pessoa errada.
A pessoa errada te faz perder a cabeça, perder a hora, morrer de amor...
A pessoa errada vai ficar um dia sem te procurar que é pra na hora que vocês se encontrarem a entrega ser muito mais verdadeira.

A pessoa errada, é na verdade, aquilo que a gente chama de pessoa certa.
Essa pessoa vai te fazer chorar, mas uma hora depois vai estar enxugando suas lágrimas.
Essa pessoa vai tirar seu sono.
Essa pessoa talvez te magoe e depois te enche de mimos pedindo seu perdão.
Essa pessoa pode não estar 100% do tempo ao seu lado, mas vai estar 100% da vida dela esperando você.
Vai estar o tempo todo pensando em você.
A pessoa errada tem que aparecer pra todo mundo,
porque a vida não é certa.
Nada aqui é certo!
O que é certo mesmo, é que temos que viver cada momento, cada segundo, amando, sorrindo, chorando, emocionando, pensando, agindo,
querendo,conseguindo...
E só assim, é possível chegar àquele momento do dia em que a gente diz: "Graças à Deus deu tudo certo"
Quando na verdade, tudo o que Ele quer é que a gente encontre a pessoa errada pra que as coisas comecem a realmente funcionar direito pra gente..."

Luis Fernando Veríssimo

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

I Don't Need A Man (tradução) - Pussycat Dolls

video

Vejo você me olhando
Como se eu tivesse algo para você
E o jeito que você encara
Não se atreva
Porque eu não estou prestes a
Simplesmente dar isso para você
Pois têm algumas coisas que eu não vou fazer
E não tenho medo de lhe falar
Eu nunca quero te deixar confuso
Quanto mais você tenta
Menos eu acredito
E eu não tenho que pensar direito
Você sabe se estou a fim de você?

[Refrão:]
Não preciso de um homem para fazer acontecer
Eu sinto prazer em ser livre
Não preciso de um homem para me fazer sentir bem
Eu sinto prazer fazendo do meu jeito
Não preciso de um anel no meu dedo
Para me fazer sentir completa
Então me deixe romper isso
Eu sinto prazer quando você não está por perto

Você sabe que eu tenho minha própria vida
Eu comprei tudo que está nela
Então, se quiser fica comigo
Nem tudo é sobre o que você está trazendo
Quero amor que seja pra valer
E sem isso, nada feito
E querido, não quero uma mão
Se ela só quer agarrar uma coisa
Quanto mais você tenta
Menos eu acredito
E eu não tenho que pensar direito
Você sabe se estou a fim de você?

[Refrão]

Vamos lá, vamos lá, vamos lá, vamos lá, vamos lá (vamos lá)
Vamos lá, vamos lá, vamos lá, vamos lá, vamos lá, (vamos, vamos)
Vamos lá, vamos lá, vamos lá, vamos lá, vamos lá, (não, não, não, não)
Vamos lá, vamos lá, vamos lá, vamos lá, vamos lá, (vamos, vamos lá)
Não preciso de um
Não preciso de um homem, não
Não preciso de um homem
Vou atravessar isso
Porque sei que estou bem
Sinto-me nova em folha
Não preciso de um
Não preciso de um homem, não
Não preciso de um homem
Vou atravessar isso
Porque sei que estou bem
Sem você!

[Refrão]

Não preciso de um homem (Superei você, oh!)
Não preciso de um homem (Oh! Superei você)
Não preciso de um homem
Estou sem você
Superei você

Não preciso de um homem
Não preciso de um homem (eu não preciso, eu não preciso, não, não)
Não preciso de um homem

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

O que é felicidade?



“Tem muita gente que encara a felicidade como algo inalcançável, inatingível. Enganam-se, porque acreditam que a alma é exigente e por isso entendem que só podem ser felizes se conseguirem atender aos rígidos e rigorosos pedidos dela.
Mas a alma não é e nunca foi exigente. Ela é, na verdade, pura e sincera. Para satisfazê-la, não é necessário muito. Basta que a gente compreenda e interprete a voz que ela emite através do coração. Se escutarmos o que vem lá de dentro da gente, da nossa mais pura intimidade, compreenderemos o que é preciso fazer para ser feliz. “



Li um texto á algum tempo atrás e, dele, gravei esse trecho, que foi de grande valia para mim. Não tem melhor forma de se compreender felicidade, senão desta.

Dizem que a melhor maneira de ser feliz é buscar a felicidade no que se é. Mas o que é felicidade?

De acordo com o dicionário, felicidade é definido como um substantivo feminino, ventura, bem-estar, contentamento, bom resultado, bom êxito.

Visto pela bíblia, felicidade é um estado de satisfação que experimentamos pela posse, real ou em esperança, daquilo que amamos. A felicidade completa exclui as dores, as preocupações, o temor. Esta felicidade total não é deste mundo; é a que nos espera na posse de Deus pelo amor quando o veremos "face a face" na vida eterna.

Ok, agora pergunto, em qual definição acreditar?

Acredito em ambos. Acredito que, de certa forma, um completa o outro. Mas cada qual com seu ponto de vista.

Certa vez, um grande amigo me ensinou a ser feliz por pequenas coisas, passar a acreditar mais nelas e observá-las.. ver o quão valiosas são e tão singelas... e este amigo me mostrou alguns lados diferentes sobre a felicidade.
Felicidade não é só bem materiais, é mais do que um sentimento, é uma vida completa.

É impossível definir o amor, por exemplo, nem por isso é de todo ruim!
Amor é o mais complicado e ousado de todos, dizer te amo para alguém e realmente condizer com suas palavras, tem de ser algo muito forte e bem real. NÃO SE BRINCA COM O CORAÇÃO DAS PESSOAS, COOOLEEEEGAAA!!

A felicidade está diretamente ligada ao amor, mas isso não significa que amar alguém, lhe tornará feliz. Muito pelo contrário, o amor pode fazer tanto uma pessoa ir parar nas nuvens, como desejar estar morto (é fica meio exagerado querer morrer, mas quem nunca estudou o romantismo né ?). E esse sentimento de querer estar morto, não significa estar literalmente morto, sete palmos debaixo da terra, NÃO.

Amar e não ser amado, é prejudicial a pessoa que de fato ama e isso, não à torna feliz, ela não se ve felicidade em seus dias, devido a esse sentimento não correspondido, pelo fato de saber que o amor é algo tão inusitado e por vezes incondicional que acaba exaurindo as forças, vontades e desejos dessa pessoa. Eu acho que querer morrer por amor é muito exagerado, por mais que ame alguém, tem limite né ?

A união de dois sentimentos, que por vezes são bem distintos, é exatamente essa (obviamente), ser feliz (pelo menos eu acho) não é só amar alguém, ser feliz é dormir 8 horas e acordar bem disposto, é trabalhar de bom humor, é receber um bom dia de alguém que você não conhece, é fazer uma nova amizade, é fazer alguém feliz também. Tem TANTAS formas de ser feliz e ter felicidade no seu dia. Dar felicidade é tão bom quanto receber, é melhor fazer alguém feliz do que ela te fazer feliz, não é ?

Todos temos a felicidade em mãos. Se nos deixamos cair, abater, devemos buscar um sentido melhor para sair disto e voltarmos ao lado bom da vida. Se felicidade é uma palavra de tão vasta coletânea de significados, porque não investi-la ainda mais em nossa vida e fazermos valhê-la como tal?

Fica a dica!

And here we go again!!
Bjus da Sam

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

Rifa-se um coração



Rifa-se um coração quase novo. Um coração idealista. Um coração como poucos. Um coração à moda antiga. Um coração moleque que insiste em pregar peças no seu usuário.
Rifa-se um coração que na realidade está um pouco usado, meio calejado, muito machucado e que teima em alimentar sonhos e cultivar ilusões. Um pouco inconseqüente, que nunca desiste de acreditar nas pessoas.
Um leviano e precipitado coração que acha que Tim Maia estava certo quando escreveu: “não quero dinheiro, quero amor sincero, é isso que eu espero".
Rifa-se um coração que nunca aprende. Que não endurece e mantém sempre viva a esperança de ser feliz, sendo simples e natural.
Um coração insensato, que comanda o racional sendo louco o suficiente para se apaixonar.Um furioso suicida que vive procurando relações e emoções verdadeiras.
Rifa-se um coração que insiste em cometer sempre os mesmos erros. Esse coração que erra, briga, se expõe. Perde o juízo por completo em nome de causas e paixões. Sai do sério e, às vezes, revê suas posições arrependido de palavras e gestos.
Este coração tantas vezes incompreendido. Tantas vezes provocado. Tantas vezes impulsivo.
Rifa-se este desequilibrado emocional que abre sorrisos tão largos que quase dá pra engolir as orelhas, mas que também arranca lágrimas e faz murchar o rosto. Um coração para ser utilizado por quem gosta de emoções fortes.
Um órgão abestado indicado apenas para quem quer viver intensamente.
Contra indicado para os que apenas pretendem passar pela vida matando o tempo, defendendo-se dos sentimentos.
Rifa-se um coração tão inocente que se mostra sem armaduras e deixa louco o seu usuário.Um coração que quando parar de bater ouvirá o seu dono dizer para São Pedro na hora da prestação de contas: "O Senhor pode conferir. Eu fiz tudo certo, só errei quando coloquei sentimento. Só fiz bobagens e me dei mal quando ouvi este louco coração de criança que insiste em não endurecer e se recusa a envelhecer".
Rifa-se um coração ou mesmo troca-se por outro que tenha um pouco mais de juízo.Um órgão mais fiel ao seu usuário. Um amigo do peito que não maltrate tanto o ser que o abriga. Um coração que não seja tão inconseqüente.
Rifa-se um coração cego, surdo e mudo, mas que incomoda um bocado.Um verdadeiro caçador de aventuras que ainda não foi adotado, provavelmente, por cultivar ares selvagens, por não querer perder o estilo.
Oferece-se um coração vadio, sem raça, sem pedigree.Um simples coração humano. Um impulsivo membro de comportamento até meio ultrapassado. Um modelo cheio de defeitos que, mesmo estando fora do mercado, faz questão de não se modernizar, mas vez por outra, constrange o corpo que o domina.
Um velho coração que convence seu usuário a publicar seus segredos e a ter a petulância de se aventurar como poeta.

Fonte: autor desconhecido.

Changes

Agora são quatro e quinze da manhã e ainda não adormeci. Meus olhos, cedendo de cansaço como nunca, estão implorando para ver novamente seu doce sorriso, seu olhar cheio de ternura e sua face tão bela. Sou impulsiva, poderia retirar o telefone do gancho neste exato momento e telefonar, mas não posso, não tenho seu número!

Vou sair correndo pelas ruas até onde você está. Mas espera, nem seu endereço.

Quem sabe esteja online... mas qual é mesmo seu email?

Não, não estou com problemas de memória, não preciso ingerir mais fósforo. Não me lembro de coisas que, de certa forma, fiz sumir, fiz com que fosse retirado por completo do meu ser, coisas que não valiam a pena insistir, coisas nas quais a dor me perseguiria.

Gostaria de escrever uma poesia sobre isso, mas me falta capacidade de dar um F5 na minha vida, como certa vez li por ai, então optei pela segunda via na qual o mesmo texto me mostrou, o ESC!

Se me incomoda? Não, hoje já não mais. Acredito que esteja racional o suficiente para escolher minhas palavras e não tenho medo algum de passá-las, seja de forma escrita, ou até mesmo oral, isso aí, pronta pra “botar a boca no trombone” novamente.


“Alguém aiiiiiii

Me devolve o controle remoto

Do meu freakshooooow....”


Postei essa música da Sabrina Sam há algumas semanas aqui e, posto esse trecho novamente, dessa vez, não pedindo pra ter o controle, mas para anunciar que já o tenho. Novamente tenho o controle da minha vida e ninguém poderá trocar de canal ou mudar minha sintonia.


Eu estou escutando o que você diz
Mas eu simplesmente não consigo emitir nenhum som
Você diz que precisa de mim
Então você vai e me derruba
Mas espere...
Você diz que sente muito
Não imaginava que eu me viraria e diria...”

Apologize(tradução) – Timbaland feat. One Republic


And here we go again!!

Bjus da Samurai

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Também quero ser geisha!!

Geishas são tradicionais artistas japonesas cuja função é entreter seus clientes.
Em 1900 havia cerca de 25.000 geishas no Japão. Hoje estima-se que haja apenas 100. Diferente de antigamente, as geishas de hoje não são vendidas quando crianças para as okiya (casas de geisha). Tornar-se uma geisha hoje é completamente voluntário. O treinamento, entretanto, continua tão rigoroso quanto antes e exige das jovens determinação e comprometimento para aprender dança tradicional, canto, música, literatura, poesia, a tradicional cerimônia do chá e mais.
Me lembro que quando estava trabalhando com fotografias, com o meu pai, em uma crexe, havia um senhor japonês que chegou um tanto acatado e com sua filha. O figurino usado na época era de japonesa, em homenagem ao centenário da colônia japonesa no Brasil. O senhor se aproximou de mim com a garota e me falou algo que não entendi. EU NÃO SEI FALAR JAPONÊS!!! No entanto, sua filha traduziu. Ele queria duas fotos de sua filha, uma com cada cor de kimono. Santa garotinha!hahah
Na mesma semana, estava andando pelo centro da cidade quando me deparo com eles. A menina sorri para mim e acena. Estava tão bonitinha!! Estava vestida de geisha, indo pro okiya!(ateh agora não descobri onde fica!)
Depois desse dia, a vi mais cerca de três vezes, mas agora, com um kimono diferente.
Aaaaaaaaaaah, eu também vou virar geisha!!hahaha
Logo começo a brincar com minhas maquiagens e faço uma reprodução dessa imagem ai de cima.. aguardem!

And here we go again!!
bjus da Samu



sábado, 10 de janeiro de 2009

I know (unplugged) - Vanilla Ninja

video

Eu Sei

Você persegue - me dando um sentimento ruim
Você só parece ser legal - e você esta vestido pra matar
E eu sinto que você
Acha que você é um grande sedutor

Você chega perto - olha dentro dos meus olhos
E eu sinto que você vive disfarçado
Esta bem claro
Você é apenas um perdedor com sorte

Oh bom, eu sei
Que você vai ficar cego
Quando eu terminar com você - tudo que você tem que fazer
É ir embora - eu não vou te contar mentiras
Eu sei - você devia guardar isso na cabeça
Você não é bom suficiente - não é duro suficiente
Você é uma grande mentira - você é um cisne e é por isso que
Eu sei - que você vai ficar cego - ohh

Você é tão em vão - mas você se sente descolado
Se você precisa de resultados - querido aqui esta minha dica
Arranje alguém pra você
Que é do tipo que você é

Claro que eu sei - o que você quer que eu faça
Mas você não é bom - eu sou muito boa pra você
Querido perca-se
Nenhum lugar é tão longe

[Chorus]

Se você quiser você pode sonhar comigo
Mas eu nunca vou ser sua realidade
O que você merece -
É a humilhação de alguém

[Chorus]